domingo, 13 de junho de 2010

Pensamento louco

Um tanto comum para mim, mas isso não quer dizer nada a você. Na maioria das coisas que eu escrevo aqui tem algum sentido, mas a minha vida não tem sentido. ^^ Preciso escrever algo que eu entenda, ou melhor, me identifique.
Poderia escrever sobre minha familia, meus amigos, meus cabelos, até dos seus. Mas não. Eu não tô afim. Tava lendo GO de novo. Mas eu também não quero falar sobre isso. Queria ligar pra Bruno mais cedo, ainda quero na verdade, mais deixa pra lá. Queria ver Tia Gleide, Tio Guga, Tio Ari. Mas já passou. Queria que o celular de minha tia parasse de acender, é irritante demais. Queria lavar minha calça, mas nem dá. Queria que esse quarto não fosse tão confortavel quanto é. E que a cadeira fosse mais aconchegante. Queria que na minha casa tivesse um sofá. Queria que meu celular não tivesse descarregando. Queria ouvir uma música legal e  não precisar escolher. [Botei Caetano]
Tô gripada e tomando um xarope ruim.
Caetano me deixa triste. Pensativa.
Tô pensando agora em alguém que não quero escrever, não sei porque. Acho que Caetano não fosse tão maravilhosamente poeta, eu iria gostar dele mesmo assim...
Claro, tem músicas e músicas. Músicas que dá pra entender de cara e outras que são um tanto culturais.
Estou sentindo saudades. Você é quase imbativél, eu estou destruindo. Pedaço por pedaço. Fio por fio.
Mentira. Acho que superei essa coisa. hahahahahahahahhaahhahahahahahahahahha.

Caetano cantando Nirvana. Não. Não, não e não. Má ideia.

Lenine. Ufa! Muito bom. ^^
Cantando com gosto de remedio na boca... Diliçia.
Relógio analógico, não é a minha praia. Olho pra Go, Merda! ele tá me chamando..
Eu respondo: Caaaaaaaaaaaalma!!!

Uhuul Legião!!! Será? haha.

Acho que meu trabalho aqui acabou.
Ah sim, o espelho daqui é grande, de noite me dá medo.
De dia me dá alegria.
Ah é, vou dormir aqui, amanhã eu vou pra casa, pra escola.
Beijo.
até.

4 comentários:

  1. po! sem palavras! pensamentos lindos e não loucos... apenas pensamentos... muito bom...

    ResponderExcluir
  2. Genial! Cara, bem ao estilo que curto =)
    E me identifiquei muito com a parte: "queria que aqui tivesse um sofá", na verdade essa dor já passou, mas eu sofria com isso tbm... rsrs

    E melhoras, se é que não já tá boa ^^

    ResponderExcluir
  3. cara... eu te amo! adoro isso em vc, esse espírito de verdade, se é que me entende.

    ResponderExcluir
  4. nossa, que bom que gostaram... fico muito feliz que Deni gostou, serio mesmo, acho que se minha mãe tivesse gostado eu nao sentiria tanta felicidade... e Deri, eu te amo, e sei do que cê fala muié. ^^
    Obrigada.

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget