quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Ego

Me olhando no espelho consigo ver uma menina que eu talvez não seja, não consigo me ver, ninguém consegue. 
Depois de assistir um filme romântico, percebo que não choro mais como antes, eu sinceramente esperava mais lágrimas escorrerem pelo meu rosto do que apenas metade de uma. 
Depois dessa meia lágrima, fico triste sabendo que eu era tão alegre, engraçada. 
E a partir daí não é apenas os sentimentos que morrem dentro de mim, sou eu.
Eu morrendo aos poucos que me preocupa.
Tenho tanta coisa pra fazer, ando tão cansada de minha vida.
Talvez não consiga ficar terminar a semana.
Quando chego em casa, só quero dormir.
Ano que vem minha vida mudará drasticamente e estou ansiosa para que chegue logo. 
Não tenho mais aquela saudade das pessoas da minha infância, percebi que tenho valor e tenho que me dar valor. 
Isso é o mais importante!
E existe pessoas incríveis que são lindas por dentro!


Ocorreu um erro neste gadget