terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Skinny Love



Vamos, amor frágil, apenas dure o ano
Coloque um pouco de sal, nós nunca estivemos aqui
Meu, meu, meu, meu, meu, meu
Encarando a poça de sangue e aparência esmigalhada
Eu digo ao meu amor para destruir tudo,
Cortar todas as cordas e me deixar cair
Meu, meu, meu, meu, meu, meu
Bem no momento em que essa tarefa é quase impossível
Eu te disse para ser paciente
Eu te disse para ficar bem
Eu te disse para ser equilibrado
Eu te disse para ser gentil
De manhã estarei com você
Mas será de um jeito diferente
Porque eu estarei segurando todas as multas
E você estará assumindo todas as contas
Vamos, amor magrinho, o que aconteceu aqui?
Amamente-se da esperança em peitos magros
Meu, meu, meu, meu, meu, meu
A carga de amargura está completa; então vá devagar na separação
Eu te disse para ser paciente
Eu te disse para ficar bem
Eu te disse para ser equilibrado
Eu te disse para ser gentil
Agora todo o seu amor foi desperdiçado?
Então quem diabos fui eu?
Agora estou rompendo nas pontes
E no fim de todos os seus versos
Quem vai te amar?
Quem vai lutar?
Quem vai ficar bem para trás?
Vamos, amor magrinho...
Meu, meu, meu, meu, meu, meu, meu, meu
Meu, meu, meu, meu, meu, meu, meu, meu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget